Forania de Gurupi Celebra Corpus Christi com mais de mil fiéis

Dom Romualdo Matias celebra Santa Missa para crismandos e inaugura novo Salão Paroquial em Gurupi
17 de junho de 2019
Monsenhores Jacinto e Juraci celebram 60 anos de Ministério Sacerdotal em Porto Nacional
30 de junho de 2019

Forania de Gurupi Celebra Corpus Christi com mais de mil fiéis

Aconteceu na manhã de ontem(20), às 07:30, a Missa Solene de Corpus Christi, no Parque Mutuca na cidade de Gurupi /TO, a missa foi presidida pelo Vigário Forâneo, Pe. Eldinei Carneiro. Na homilia, o Pe. Domingos Maciel enfatizou sobre Jesus como o pão verdadeiro para o sustento da pessoa humana. “Jesus é o pão do céu que nutre as demandas do homem, temos que colocar nossa meta no Senhor, pois Ele é que alimenta a nossa fé”. Já o Vigário Forâneo enfatizou que é um momento especial para a Forania de Gurupi: “É um fato histórico, reunir todas as Paróquias e a Casa de Maria numa mesma celebração é graça divina, o fruto da Eucaristia é a unidade e a comunhão”. Estiveram presentes: os Padres Vilmário (Paróquia Santo Antônio), Joaquim Mizahel (Paróquia São João Batista), Lucas Fernando (Paróquia Nossa Sra Aparecida), Domingos Maciel (Paróquia São Judas Tadeu), Pe. Luiz Antônio Guimarães (Paróquia Nossa Sra da Conceição), Pe. Eldinei Carneiro (Paróquia Santo Antônio) e Sebastião Brito (Casa de Maria) e dos Diáconos Francisco Feitosa (Paróquia São João Batista) e Adão Cândido (Casa de Maria e Paróquia Nossa Sra D’Abadia). A missa contou com aproximadamente 1.500 pessoas.

A Festa de Corpus Christi

Corpus Christi (expressão latina que significa Corpo de Cristo, generalizada em português como Corpo de Deus, é uma comemoração litúrgica católica que ocorre na quinta-feira seguinte ao domingo da Santíssima Trindade, que, por sua vez, acontece no domingo seguinte ao de Pentecostes. É uma "Festa de Guarda", em que a participação da Santa Missa é obrigatória, na forma estabelecida pela conferência episcopal do país respectivo.

A procissão pelas vias públicas, quando é feita, atende a uma recomendação do Código de Direito Canônico (cânone 944) que determina ao bispo diocesano que a providencie, onde for possível, "para testemunhar publicamente a adoração e a veneração para com a Santíssima Eucaristia, principalmente na solenidade do Corpo e Sangue de Cristo." É recomendado que, nestas datas, a não ser por causa grave e urgente, não se ausente da diocese o bispo (cânone 395).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: